Mensagens

A mostrar mensagens de 2017

Colunas com dimensão automática

Imagem
No LaTeX, o ambiente tabular tem um argumento obrigatório que especifica simultaneamente o número de colunas e o alinhamento do texto nas mesmas.  Por exemplo:

\begin{tabular}{lllcr}

\end{tabular}

especifica um objeto tabular (com liberdade de expressão podemos dizer que é uma tabela) com 5 colunas, as três primeiras com conteúdos alinhados à esquerda ('l'), a quarta com conteúdos centrados e a quinta com conteúdos alinhados à direita. Note-se que apenas indicamos o número de colunas e o seu alinhamento, não a sua dimensão.  A dimensão de cada coluna é calculada automaticamente de forma a englobar o conteúdo mais longo que for esepcificado nessa coluna.

Mas às vezes queremos limitar o tamanho máximo de uma coluna, e para isso existe o elemnto 'p{<dim>}' onde '<dim>' é uma dimensão.  Por exemplo:

\begin{tabular}{lcp{5cm}}

\end{tabular}

especifica um objeto tabular com três colunas, a primeira com conteúdos alinhados à esquerda e dimensão do maior eleme…

O que parece nem sempre é! Como assegurar a qualidade das imagens (figuras) nos documentos?!

Imagem
A imagem que colocou na sua tese parece excelente quando visualizada no ecrã do seu computador.  Mas será que é igualmente agradável quando visualizada num tablet?  Ou num computador com ecrã HD?  Ou quando impressa a cores?  E se for impressa a preto-e-branco?

O que parece nem sempre é!  Por isso… vamos lá falar um pouco de imagens.

Os ecrã têm normalmente uma resolução consideravelmente baixa (de 72 a 200 DPI).  Uma impressora tem no mínimo 300 DPI e pode ir facilmente até aos 1200 DPI.  A consequência deste diferencial é que no ecrã as imagens parecem bem, mas na impressão ou num ecrã HD elas aparecem pouco nítidas (desfocadas) ou “às escadinhas”.

NOTA: DPI significa Dots Per Inch e 600 DPI  é aproximadamente o mesmo que 236 pontos-por-centímetro. Logo, uma imagem com 10×5cm a 600 DPI deverá ter 10×236 por 5×236 pontos, ou seja 2360×1180 pontos.

E como é que o problema das imagens pouco nítidas se resolve?

Vamos falar de dois tipos diferentes de imagens…

Imagens tipo bitmap
O ecrã do…

Etiquetas (labels) de figuras, tableas, equações e afins.

Imagem
As etiquetas (labels) permitem dar um nome simbólico a um objeto numerado, para mais tarde o poder referenciar.  O exemplo clássico é o de uma figura:
\begin{figure}
  \centering
  \includegraphics{blah}
  \caption{A blah figure.}
  \label{fig:terra}
\end{figure}
Mas também podemos associar etiquetas aos items de um enumerate:
\begin{enumerate}
  \item Um cão;\label{it:cao}
  \item Um gato;\labe{it:gato}
  \item E um leopardo.\label{it:leopardo}
\end{enumerate}
Em ambos os casos, podemos sempre referenciar os objetos (ou os items do enumerate) com “\ref{…}” e “\pageref{…}”, e.g.:
Com se pode ver na figura~\ref{fig:terra} (página~\pageref{fig:terra}) e comprovado pelos items~\ref{it:cao},~\ref{it:gato} e~\ref{it:leopardo}, a variedade animal é enorme.
É verdade que as etiquetas só são relevantes para o autor do texto (o LaTeX substitui-as por números, letras, ou o que for relevante).  Mas ainda assim é importante uma boa escolha das etiquetas.  Claro que se temos duas figuras e uma tabela, não fa…

Como forçar uma nova linha dentro de uma tabela?

Imagem
O porblema… Quem utiliza LaTeX com frequência se depara com a necessidade de forçar uma mudança de linha dentro de uma célula de uma tabela.  Veja-se o exemplo da tabela seguinte.
Na tabela, tanto no cabeçalho como no texto foi necessário forçar mudanças de linha. Um forma de conseguir isto é colocar uma tabela dentro de uma tabela, ou seja, o cabeçalho da 2ª coluna é ele próprio uma tabela com 1 coluna e duas linhas.  Veja-se o código que produz a Tabela 1 (note que estou a utilizar o pacote "booktabls", pelo que uso “\toprule, \midrule, bottomrule” em vez de “\hline”).

Note que várias células do ambiente tabular que define a tabela (ratângulo grande) contêm elas próprias um novo ambiente tabulare (retângulos menores).  Em tabelas mais complexas esta proliferação de ambientes tabular pode tornar o código muito difícil de manter.

Uma solução… Uma solução possível passa pela utilzação do pacote makecell.  Este pacote permite forçar mudanças de linha numa célula de uma tabela…

Customização do título da tese/dissertação

Imagem
Apesar de não ser muito frequente, já por mais que uma vez esta questão foi levantada:

Por questões de legibilidade, a forma com oo LaTeX às vezes “parte” os títulos grandes em duas ou mais linhas não é adequada, pelo que quero customizar o títtulo da tese com mudanças de linha explícitas. 

Por exemplo, o título longo:
A minha tese sobre o cultivo de batatas no Pólo Norte é deveras muito interessante! Poderia ser apresentado naturalmente pelo LaTeX como:
A minha tese sobre o cultivo de batatas no Pólo Norte é deveras
muito interessante!
Quando seria mais legível se a mudança de linha fosse antecipada para:
A minha tese sobre o cultivo de batatas no Pólo Norte
é deveras muito interessante!

A customização no template pode ser conseguida com uma mudança forçada de linha (“\\”), e.g.,
\title{A minha tese de doutoramento sobre o cultivo de batatas no Pólo Norte\\é deveras muito interessante!}

Mas esta customização com uma mudança de linha forçada é apenas para a capa e não deveria ter efeito no…

Capa e Verso para caixa de CD (parte 2)

Imagem
Sei que é apenas um preciosismo… mas estava a incomodar-me os nervos as lombadas dos CDs ficarem em branco.  E vai daí saiu isto…
Ambas as lombadas têm a data e o logo da Universidade.
Uma das lombadas fica com o nome do autor, a outra com o título da tese.

Sei que haverá vários problemas a resolver como, por exemplo, o caso em que o título da tese é mesmo muito grande.  Mas lidaremos com esses problemas noutra altura.

Disponível por download direto do repositório:
https://github.com/joaomlourenco/novathesis/archive/master.zip

A importância de colaborar!

Não!  Este post não é sobre como realizar trabalho colaborativo em LaTeX, nem como colaborar com o(a) orientador(a).  Este post é sobre como é possível aos utilizadores do template NOVAthesis contribuirem também e devolverem à comunidade um pocuo do que receberam ao utilizar este template.

A minha colaboração é bem vinda ou apenas tolerada? Neste momento o template já tem mais de 10 anos de idade e muitas (mesmo muitas) centenas de horas de trabalho.  Tal não seria possível se não contasse já com a colaboração de várias pessoas, a maior parte também utilizadores do template.

E como é que eu posso colaborar? Vou apresentar sugestões por ordem crescente (penso eu) de dificuldade e envolvimento.  Cada um que decida qual o ponto onde se sente confortável para participar.  O importante é não ser tímido(a) e participar!
Dê feedback da sua utilização do template. Conte-nos um pouco da sua história de sucesso (espero!) no Facebook group ou no Google group e partilhe umas fotografias do seu doc…

Capa e Verso para caixa de CD

Imagem
Quando se entrega a versão final de uma tese de doutoramento é necessário entregar também um CD com o PDF da tese.

No início de 2016 um utilizador do template (Tomás J. Monteiro) enviou-me um pequeno template LaTeX para desenhar a capa do CD.  Um ano e pouco depois finalmente adaptei e integrei a sugestão dele no template NOVAThesis. 😀  Esta funcionalidade está disponível apenas na versão mais recente do template (versão 4.1.0, disponibilizada ontem, dia 10 de Julho de 2017).

Funciona assim:

Há uma flag chamada cdcover que está normalmente a false.  Se colocada a true, no final do documento são adicionadas duas páginas, uma com a capa para a caixa do CD, outra com o verso (para colocar na parte de trás da caixa do CD).Se a escola tiver um design próprio implementado, utiliza esse design.  Neste momento (versão 4.1.0) isto é verdade apenas para a FCT-NOVA, que produz capas semelhantes (inspiradas) na da capa dos documentos de Mestrado e Doutoramento.Caso contrário, há um design por om…

Capa de tese sem indicação dos elementos do júri

Imagem
O template suporta vários tipos de documentos, alguns onde o júri por omissão não aparece (e.g., mscplan, phdplan, phdproposal, …), outros onde aparece (e.g., msc, phd).



No entanto, quando o candidadto submete a tese não sabe ainda quem serão os elementos do júri e, por isso, com frequência as teses vão com a lista de elementos do júri que está no template como place holder e que deve ser substituída (ver figura e zona demarcada a vermelho).



Para conseguir obter uma capa como a apresntada à esquerda, que omite os elementos do júri, nas opções do pactoe, i.e., no ficheiro template.tex, poderá alterar a opção printcommittee de true para false, i.e., na linha 51 ou perto, alterar
printcommittee=truepara
printcommittee=false.

Mais tarde, quando for conhecido o júri (e.g., , na versão final) poderá então reativar-se a opção com printcommittee=true.

Sobre a importância de manter a instalação de LaTeX atualizada

O LaTeX é um sistema muito dinâmico e todas as semanas são publicadas novas versões de vários "pacotes" (extensões).  A maior parte deles não são de todo relevantes para os utilizadores "convencionais" do template NOVAthesis.  Mas alguns (poucos) são importantes! E quando são importantes são, normalmente, muito importantes!
Por exemplo, é conhecido que o template dá erros com instações do TexLive 2015.  Mas a versão corrente é o TexLive 2016 e a versão 2017 está quase para sair.  Portanto, quem ainda mantém a versão 2015 está mesmo mesmo mesmo mesmo a pedir chatices.  ;)
Por isso, é fundamentar que mantenha a sua instalação de LaTeX actualizada.  Para isso, sugiro que consulte o endereço https://tex.stackexchange.com/questions/55437/how-do-i-update-my-tex-distribution e escolha a distribuição/metodologia da sua preferência.  Leia as instruções com atenção e siga as instruções.

Definição de comandos (parte 1)

Uma das vantagens de utilizar LaTeX é a possibilidade de podermos definir os nossos próprios comandos.  No artigo de hoje apresentarei apenas os princípios básicos da definição de novos comandos. Tópicos mais avançados relacionados com este tema ficarão apra outro artigo!

O que são comandos em LaTeX? Um comando em LaTeX é uma sequência de caracteres prefixada com um backslash (“\”). Alguns comandos não têm argumentos, outros têm um, outros dois, outros mais ainda.  Por exemplo “\LaTeX” é o comando para produzir uma versão tipográfica/logo do LaTeX e não tem argumentos.  Um outro exemplo é o comando “\textbf”.  Este comando recebe um único argumento (entre chavetas) e deve, portanto, utilizar-se assim: “\textbf{uma ou mais palavras a escrever e negrito}”. Já o comando “\frac”, que em modo matemático permite escrever frações, tem dois argumentos, um para o numerador e outro para o denominador, como por exemplo: “\frac{3}{2}”,

Definição de comandos sem argumentos Quando definimos um novo…

Espaços inquebráveis (non-breaking spaces)

Imagem
Há algumas regras importants quanto à utilização de números em texto.  Por exemplo, uma regra que é conhecida de todos é que um parágrafo que comece com um número ou uma data, o valor deve ser escrito por extenso e não apresentado na forma numérica.

Outra regra importante mas menos conhecida é que uma linha no meio de um parágrafo também nunca deve começar por um número.  Por exemplo, considere o seguinte parágrafo:

Propomos que neste documento sejam compilados os mais significativos documentos políticos, militares e diplomas legais publicados durante os anos de 1974 e 1975, incluindo se necessário os últimos meses de 1973 e/ou os primeiros de 1976.

Ao ser processado em LaTeX para papel a5 e com fonte large resulta no seguinte:


A 4ª linha deste parágrafo inicia com um número (1975).  Este tipo de situações podem e devem ser evitadas colocando um espaço-inquebrável (non breaking space) entre o número e a palavra que o precede.  Isso é conseguido colocando um til (~) em vez de um espaço.…

Apêndices e Anexos! Qual é a diferença?

Por várias vezes me interrograram porque é que o template novathesis suporta simultanemanete Apêndices e Anexos? Qual é a diferença?

Em palavras simples, ambos contêm material suplementar, que é relevante mas não essencial para a compreensão do trabalho exposto. No entanto há, claro, alguma(s) diferença(s).

Um Apêndice contém material suplementar que é necessariamente referenciado no documento principal.  Um Anexo contém matrial suplementar que é autocontido e que pode não ser referenciado no documento principal.

Os Apêndices são sempre do mesmo autor do documento principal.  Os Anexos podem ou nser do mesmo autor (i.e., podem conter material produzido por terceiros).

Algumas referências:
http://www.diffen.com/difference/Annex_vs_Appendix
http://www.differencebetween.info/difference-between-appendix-and-annex

Inserir uma imagem/fotografia arredondando-lhe os cantos

Imagem
Algumas vezes as imagens que inserimos no nosso texto ficam melhor se lhes arredondarmos os cantos.  Veja por exemplo as duas páginas seguintes:

Se gosta mais da solução da direita, onde a imagem aparece com os cantos arredondados, então este artigo é para si!  :)


Para os apressados… No preâmbulo (algures entre o “\documentclass” e o “\begin{document}”) colocar o seguinte:
   \usepackage{tikz}
   \newsavebox{\picbox}
   \newcommand{\roundpic}[3]{
   \savebox{\picbox}{\includegraphics[#2]{#3}}
   \tikz\node [draw, rounded corners=#1, line width=4pt,
        color=white, minimum width=\wd\picbox,
        minimum height=\ht\picbox,
        path picture={
             \node at (path picture bounding box.center)
             {\usebox{\picbox}};}] {};} Usar a nova macro como:
\roundpic{<radius>}{<graphicx options>}{<filename>}
por exemplo:
\roundpic{0.75cm}{width=8cm}{dog.jpg}A título de exemplo, a figura da esquerda foi…

Redução do espaço ocupado pelo template LaTeX

O template NOVAthesis suporta várias Escolas/Faculdades de várias universidades (e.g., FCT-NOVA, FCSH-NOVA, NOVA-IMS, FC-UL, IST-UL, …) e as definições para todas estas escolas ocupam algum espaço em disco nos sources do template.

Como a informação associada a cada Escola está dentro de uma pasta específica, é possível eliminar todas as pastas das Escolas que não nos interessam sem afetar o bom funcionamento do template.

Caso pretenda reduzir o tamanho ocupado pelos sources do seu documento, pode aceder à pasta “LaTeX / novathesis-files / Schools” e apagar todas as sub-pastas que não interessam (i.e., que não correspondem à sua Escola).  A organização dentro desta pasta é “Acrónimo da Universidade / Acrónimo da Escola”

Por exemplo, um aluno da FCT-NOVA pode eliminar integralmente a pasta “UL” e, depois, dentro da pasta “NOVA” eliminar as pastas de todas as Escolas excepto a FCT.

Pode ainda eliminar sem receios as pastas “LaTeX / Examples”  e  “LaTeX / Scripts” .  A segunda é pequena m…

LaTeX e os ficheiros temporários

O LaTeX é um processador que lê um ficheiro, processa-o, e gera outro ficheiro com o resultado do processamento.  O primeiro ficheiro (de entrada) é um ficheiro de texto, frequentemente chamado de ficheiro fonte, que contém o texto do nosso documento e comandos LaTeX que especificam maioritariamente a estrutura desse documento.  O processamento realizado pelo (pdf)LaTeX gera um ficheiro PDF que, com base em templates de visualização, contém uma representação tipográfica do nosso texto.

O ficheiro fonte, normalmente com a extensão “.tex”, contém com frequência referências para figuras, tabelas, equações, ou outros objectos numerados presentes no documento, bem como citações de outros documentos presentes na bibliografia.  Em ambos os casos, quando o processador LaTeX encontra uma referência para um objeto (e.g., “blah~\ref{fig:label} blah”) ou uma citação bibliográfica (e.g., “blah~\cite{fig:label} blah”), estas podem referenciar algo que só está definido mais à frente, pelo que o LaTe…

Citações e bibliografia no estilo APA

Imagem
Acabei de lançar uma nova versão do template (v 4.0.1) para responder a um número grande de pedidos de suporte do estilo APA.

Para quem já usava uma versão anterior (mas recente), basta:
Substituir o ficheiro “novathesis-files/packages.clo” antigo pelo novoSubstituir o conteúdo do ficheiro “template.tex” antigo desde o início até às linhas
%%================================================
%%
%%  BEGINING OF USER COSTUMIZATION
%%
%%================================================
pelo equivalente no novo ficheiro “template.tex”.No novo ficheiro “template.tex”, comentar as linhas 69 a 72, e depois descomentar as linhas57 a 60 (ver figura).
ATENÇÃO: quando utilizar o estilo de bibliografia APA é obrigatório utilizar o biber para processar a bibliografia (e não o bibtex).  
Se utiliza um editor integrado, com a visualização a par do código fonte, para fazer a alteração acima referida é necessário ir às preferencias do editor e indicar que o comando para processar a bibliografia é o biber

Listas de Figuras e de Tabelas: como lidar com legendas muito longas?

Imagem
Em LaTeX, uma figura tem o seguinte esqueleto base:


A legenda da figura é definida como o comando \caption{…}. No exemplo acima terá o valor “Legenda da figura.

Em algumas áreas científicas é prática comum explicar como interpretar uma figura no corpo do texto, próximo do sítio onde se referenciou a figura.  Neste caso as figuras normalmente apresentam legendas muito breves e simplificadas.  Noutras áreas científicas é prática comum que uma figura deve ser auto-contida e, portanto, a legenda é normalmente longa e ocupa várias linhas (ver exemplo: Figura 7, retirada de [1]).

Quando se solicita ao LaTeX para gerar o índice de figuras, as legendas das figuras são copiadas para a Lista de Figuras.  No caso das figuras com legendas simplificadas não há qualquer problema. Já no caso em que as figuras normalmente apresentam legendas com várias linhas de texto explicado o conteúdo da figura, toda a legenda é copiada para o índice e, neste caso, o texto que explica o conteúdo da figura anão f…

Sobre a (não) utilização de pronomes pessoais nos textos técnicos

Imagem
Para evitar repetir de forma exaustiva um sujeito numa frase, tanto em Português como em Inglês é possível substituir este por um pronome pessoal.  Por exemplo, na frase:
As cinco cadeiras tinham três rodas cada. Elas eram muito confortáveis.
Elas é um pronome que obviamente substitui o sujeito cadeiras
No entanto, se eu escrever:
As cinco cadeiras tinham três rodas cada. Elas eram de borracha e rolavam muito bem.
Depreende-se facilmente que nesta segunda frase o pronome Elas agora já não substitui cadeiras mas sim rodas
Assim, o pronome Elas é ambíguo e pode representar coisas diferentes, e é o leitor que tem de “adivinhar” quem é o referente do pronome (i.e., qual é o sujeito a quem o pronome se refere).
Finalmente, neste exemplo:
As cinco cadeiras tinham três rodas cada. Elas eram de plástico.
Podemos ficar na dúvida se o Elas se refere às cadeiras ou às rodas. Provavelmente às rodas, pois as cadeiras normalmente não são de plástico… mas ainda assim não temos a certeza!
O exemplo a…

Como alterar o nome do grau?

O template NOVAthesis usa “Engenharia Informática” como valor por omissão para o nome do grau a obter com a dissertação.  Apesar deste nome de grau servir a alguns alunos (nomeadamente aos alunos de Mestrado em Engenharia Informática) não serve para todos.

Para alterar o nome do grau para algo diferente deverá procurar “%\majorfield” no ficheiro 'template.tex', descomentar (remover o “%”) e alterar conforme necessário/requerido.

Por exemplo:
\majorfield[pt]=Engenharia Mecânica
\majorfield[en]=Mechanical Engineering